Notícias e eventos
Know-how

Entenda as vantagens e como começar um sistema de plantio direto

Aqui você vai entender o que é o plantio direto, as vantagens e desvantagens e também como implementar esse sistema na sua lavoura.

Plantadeira PG 900

Cerca de 90% das áreas com lavouras de grãos no Brasil utilizam o SPD (sistema de plantio direto), segundo a FEBRAPDP - Federação Brasileira de Plantio Direto e Irrigação.

Essa técnica vem revolucionando a agricultura mundial, trazendo benefícios econômicos e ambientais, aumentando a produtividade, conservação e melhoria do sistema produtivo.

Por isso fizemos esse conteúdo, vamos sanar todas as suas dúvidas sobre os benefícios do plantio direto. 

 

O que é

O plantio direto é um sistema onde o plantio é feito sem as etapas do preparo convencional da aração e da gradagem. Dessa forma ele garante as características físicas, químicas e biológicas do solo, mantendo-o sempre coberto por plantas em desenvolvimento e por resíduos vegetais, protegendo do impacto direto das gotas de chuva, do escorrimento superficial e das erosões hídrica e eólica

Ele é definido como o processo de semeadura em solo não revolvido, e tem os seguintes fundamentos:

  • eliminação ou redução de preparação do solo
  • formação e manutenção da cobertura do solo (cobertura morta)
  • rotação de culturas
  • uso de semeadoras específicas

Na década de 1970 o plantio direto começou a ser praticado no Brasil, pelo pioneiro Herbert Bartz, de Rolândia, no Paraná.

 

Vantagens do Sistema de Plantio Direto

O plantio na palha tem vantagens bem claras, como:

  • redução e eliminação de operações de preparo de solo
  • controle da erosão do solo
  • elevação da matéria orgânica disponível no solo
  • melhoria da estrutura do terreno
  • redução da perda de água da terra
  • equilíbrio na temperatura do solo
  • aumento da atividade biológica
  • redução das operações com maquinários
  • mais controle na época da semeadura
  • sequestro de carbono no solo, o que evita a liberação excessiva desse gás para a atmosfera
  • quebra de ciclo de insetos e doenças pela rotação de cultura

A garantia de um nível menor de oxidação da matéria orgânica se dá porque o solo é mantido sem revolvimento. Dessa forma ele fica mais livre de contaminações e ainda preserva seus nutrientes. Além disso a palha e os restos materiais evitam as oscilações altas de temperatura durante o dia, pois isolam a superfície.

Como nesse sistema temos menos preparação do solo, o uso de maquinário também diminui, consumindo menos combustível e evitando o desgaste de máquinas. Outro benefício é a flexibilidade, pois o plantio pode ocorrer logo após a colheita.

 

Desvantagens

Os principais contras ao plantio direto são a necessidade de um conhecimento técnico maior, o controle de erva-daninhas e a compactação do solo. Dessa forma temos:

  • mais incidência de pragas
  • maior uso de defensivos
  • dificuldade de germinação de sementes em terras úmidas

Para diminuir os pontos negativos, o ideal é fazer um melhor controle das pragas e prestar atenção nas correções do solo. 

 

Como começar um Sistema de Plantio Direto?

Primeiro temos que observar os princípios dessa técnica, são eles:

  • eliminação ou diminuição do preparo do solo
  • uso de defensivos agrícolas para controle de plantas invasoras
  • manutenção da cobertura morta para combater a erosão
  • para evitar problemas por aragens feitas anteriormente, deve-se fazer eliminação da compactação ou camadas adensadas antes da implantação

Após isso, é necessário definir quais serão as culturas, definindo qual será a modalidade de diversificação e quais épocas do ano dos cultivos.

Um ponto que não pode ser esquecido no planejamento é a estrutura de máquinas que serão utilizadas. É necessário pensar em todas as etapas: plantio, pulverização, colheita e manejo das culturas de cobertura.

Se possível peça ajuda a um profissional da área, ele pode te economizar tempo e dinheiro.

 

Conclusão

Como podemos perceber o principal desafio do plantio direto é a exigência de muitos conhecimentos técnicos, e saber manejar as variações da lavoura aumentando a eficiência no uso dos insumos.

O plantio direto traz diversos benefícios de longo prazo para o agricultor e para o meio-ambiente, reduzindo custos, melhorando a produtividade além de preservar o solo.

Ficou com alguma dúvida? Deixa aqui nos comentários e vamos continuar essa conversa.


 

 

Referências:

FEBRAPDP - https://febrapdp.org.br

https://www.gazetadopovo.com.br/agronegocio/agricultura/ele-sobreviveu-a-iiguerra-mundial-e-revolucionou-a-agricultura-no-brasil-1zy9epizg17p9gfzo08bo9l9i/

Outros notícias

Todas notícias